Blogger Template by Blogcrowds.

Guarda Mirim de Barra Longa



Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.









“Somos jovens em busca de um ideal Patriótico”

A Guarda Mirim de Barra Longa nasceu após uma conversa informal entre 03(três) pessoas. São elas: O Sargento Luis Carlos Martins de Mello, Sandra de Oliveira, na época Secretária Municipal de Assistência Social e Geraldo de Freitas Pimenta Filho (Birraia), Conselheiro Tutelar em 2006.

Dessa conversa partiu a idéia de formar a Guarda Mirim com o objetivo de sensibilizar os adolescentes e seus familiares da importância da integração social na participação ativa das atividades por meio do qual estão inseridos.

A Guarda Mirim iniciou suas atividades no dia 06 de novembro de 2006. A primeira turma foi formada com 28 integrantes sendo o primeiro comandante o Soldado Fernando Luis Vieira Alckmin.

A idéia era trabalhar com adolescentes do Bairro Volta da Capela e o foco principal era acabar com a discriminação e contribuir para uma boa formação intelectual, moral, cívica e física desses jovens, respeitando as tendências vocacionais e estimulando para que cada um desenvolvesse suas habilidades.

A Guarda Mirim de Barra Longa participa efetivamente de campanhas diversas, datas comemorativas, blitz educativas, apoio a entidades religiosas além de alguns fazerem parte do coral da Igreja e da banda de música do município. Fazem apresentações no município e em região mostrando valores como: civismo, amor à pátria e respeito ao próximo. São orientados sobre temas diversos tais como: Educação Física; Educação Moral e Cívica; Noções de primeiros socorros, Higiene pessoal, Noções de música e canto, Ordem unida, Noções gerais de direito, Noções de legislação de trânsito, Noções de ecologia e preservação do meio ambiente.

São grandes os resultados com este projeto retirando estes jovens da ociosidade, distanciando-os do mundo das drogas e da criminalidade. Assim, obtêm-se como resultado, melhor desempenho nas atividades escolares, melhor qualidade de vida, mais saúde, equilíbrio psicológico e motor, eliminação do stress provocado pelo medo de serem expostos aos perigos diversos, recuperação da autoconfiança, maior envolvimento com a comunidade, valorização dos conceitos de cidadania através de ações participativas. Hoje a Guarda Mirim é composta por 64(sessenta e quatro) integrantes em atividade.

A Guarda Mirim funciona em um espaço cedido pela Prefeitura Municipal e conta com a colaboração de alguns pais, voluntários e do Destacamento da Polícia Militar do município.

Em 28 de outubro de 2010 a Guarda Mirim firmou o Acordo de Patrocínio Social com a Samarco Mineração S.A para execução do projeto “Estruturação e Sistematização da Guarda Mirim de Barra Longa” por ocasião do Processo Seletivo do Edital Samarco 2010.

Este projeto ao ser contemplado trouxe novas perspectivas de trabalho e ações junto aos integrantes da Guarda Mirim. Com ele, foi possível estruturar, sistematizar e modernizar as ações já existentes e programar outras. Estuda-se a possibilidade da criação da Guarda Mirim na zona rural, tudo isso, deve-se ao fato da Samarco Mineração S.A disponibilizar patrocínios sociais que são relevantes para a transformação da vida das pessoas que, muitas vezes, são pouco privilegiadas no meio em que vivem e são fundamentais com seus valores, talentos, habilidades e vocações.

Desse modo, em nome de todos os Guardas Mirins, Diretoria, pais e demais pessoas envolvidas no projeto gostaríamos de agradecer a Samarco Mineração S.A pela ajuda que nos foi concedida e com certeza será um marco na nossa história não só para a Guarda Mirim, mas para todos os cidadãos barralonguenses.

Sandra de Oliveira

Presidente da Guarda Mirim


Blog: http://guardamirimbarralonga.blogspot.com

E-mail:
gmblonga@gmail.com
sandra.2604@gmail.com

Telefone
: (31)84457200








Você gosta de ler?

Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.



O primeiro livro que ganhei, e que guardo na memória como se fosse hoje, foi a Bela Adormecida. Isto foi quando eu comecei aprender a ler. Eu lia este livro todos os dias. Obviamente cheguei até a decorar muitas páginas. As ilustrações me atraíam também para dentro da história a ponto de me sentir voando junto com as fadas. E elas, as fadas madrinhas, Primavera, Flora e Fauna, assim como a Malévola, me acompanharam por muito tempo. Confesso, até hoje. Acho que este foi o primeiro momento em que, no meu pensamento inocente de criança, me deparei com o duelo entre bem e o mal. E o final era muito reconfortante para mim com a vitória do bem.
Confesso também que me decepcionei com o Lobo Mau do Chapeuzinho Vermelho e dos Três Porquinhos e até hoje não sei se eram dois lobos distintos ou se era o mesmo.
Depois desta fase continuei gostando dos livros. E sempre estou lendo.

E você? Gosta de ler?
Qual livro está lendo atualmente?






Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.



bloglog.globo.com

APAGUE AS LUZES PARA VER UM MUNDO MELHOR

Hoje, 26 de março, entre 20h30 e 21h30, cidadãos de todo o mundo vão apagar as suas luzes de casas, apartamentos, empresas e monumentos durante uma hora. A iniciativa, promovida pela WWF Organização Global de Conservação, chama-se a "Hora do Planeta" e constitui uma forma de luta contra as alternações climáticas.

O gesto visa economizar energia com o objetivo de estimular indivíduos, empresas e comunidades a tomarem medidas para reduzir as suas emissões de carbono numa base contínua e diária.

No ano passado mais de 1,2 milhões de pessoas aderiram à Hora do Planeta”. Este ano espera-se que a participação seja ainda maior.

A campanha desafia os participantes a irem além desse gesto e adotar práticas sustentáveis no seu cotidiano de maneira a reduzir sua pressão sobre os recursos naturais.



O Banco do Brasil participa da Hora do Planeta apagando as luzes dos principais prédios em Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo e Curitiba neste sábado, 26/03, de 20h30 às 21h30. Além de aderir ao movimento, o Banco do Brasil está incentivando seus 110 mil funcionários a participarem da Hora do Planeta, por meio de ações na intranet e email marketing. Os clientes e visitantes também são convidados a apagar as luzes em banner postado no site da instituição.



Vamos lá!!! Participe!!!

Apague as luzes você também!!!

Divulgue!!!





Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.













Fotos enviadas por Rosângela Martins (Secretaria Municipal de Cultura)

Lembre-se: clique nas fotos para melhor visualização





Só pra relaxar...


Recebi este texto e achei o máximo
... Acho que você também vai gostar, se for mineiro, uai.


Cariocas, Paulistas e Mineiros

Durante escavações no estado do Rio de Janeiro, arqueólogos fluminenses descobriram, a 100 m de profundidade, vestígios de fios de cobre que datavam do ano 1000 d.C. Os cientistas cariocas concluíram que seus antepassados já dispunham de uma rede telefônica naquela época.

Os paulistas, para não ficarem para trás, escavaram também seu subsolo, encontrando restos de fibras óticas a 200 m de profundidade. Após minuciosas análises, concluíram que elas tinham 2000 anos de idade. Os cientistas paulistas concluíram, triunfantes, que seus antepassados já dispunham de uma rede digital a base de fibra ótica quando Jesus nasceu!

Uma semana depois, em Belo Horizonte, foi publicado por cientistas mineiros o seguinte estudo:
"Após escavações arqueológicas no subsolo de Contági, Patinga, Timoti, PassaQuato, Pós di Carda, Jijifóra, Sansdumôn, Pôso Alegre, Patruciniu, Santantoin du Monte, Moncarmelo, Lagoa Dorada, Sanjãodelrei, Beraba, Berlândia, Biá, Belzonte, Bosta do Araguari, Divinópis, Pará de Mins, Furmiga, Vernador Valadars, Tiófi Otoni, Piui, Biraci e diversas outras cidades mineiras, até uma profundidade de 500 metros, não foi encontrado absolutamente nada. Concluimos então que os antigos mineiros já dispunham há 5000 anos de uma rede de comunicações sem-fio: "wireless".

Nota dos arqueólogos: Por isso se pronuncia "UAI" reless. (wireless)

kkkkkkkkkkkkkkkk

Esse trem de ser mineiro é bão dimais, sô!!!






Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.



Abrir uma torneira e ter água saindo dela, para nós que temos este privilégio, é uma ação que nem percebemos. “Mecanicamente” abrimos uma torneira para lavar as mãos, tomar banho, escovar os dentes, lavar a louça, enfim, para inúmeras atividades. Somente percebemos a falta que a água pode fazer quando, por algum problema, abrimos a torneira e a água não sai.
Inúmeras pessoas no mundo sonham em abrir uma torneira e ter a água saindo dela. Parece um sonho banal, mas tem uma razão essencial: A água é vital.


O Dia Mundial da Água foi criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) no dia 22 de março de 1992. O dia 22 de março, de cada ano, é destinado à discussão sobre os diversos temas relacionadas a este importante bem natural. Mas porque a ONU se preocupou com a água se sabemos que dois terços do planeta Terra é formado por este precioso líquido? A razão é que pouca quantidade, cerca de 0,008 %, do total da água do nosso planeta é potável (própria para o consumo). E como sabemos grande parte das fontes desta água (rios, lagos e represas) está sendo contaminada, poluída e degradada pela ação predatória do homem. Esta situação é preocupante, pois poderá faltar, num futuro próximo, água para o consumo de grande parte da população mundial. Pensando nisso, foi instituído o Dia Mundial da Água, cujo objetivo principal é criar um momento de reflexão, análise, conscientização e elaboração de medidas práticas para resolver tal problema. No dia 22 de março de 1992, a ONU também divulgou um importante documento: a “Declaração Universal dos Direitos da Água” (leia abaixo). Este texto apresenta uma série de medidas, sugestões e informações que servem para despertar a consciência ecológica da população e dos governantes para a questão da água.

Fonte: http://www.suapesquisa.com/datascomemorativas/dia_mundial_da_agua.htm


Alguma atitude você também pode e deve tomar para contribuir com a preservação a água. Envie dicas de como economizar água.





Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.


Fonte: http://colunas.epoca.globo.com/falamundo/2011/03/15/prateleiras-vazias-nos-supermercados-e-postos-sem-gasolina-no-japao/


A reconstrução do Japão vai demorar muito mas, a fome, a sede e o frio não podem esperar... Assim, a Caravana da Salvação formada por 11 pessoas, após 31 horas de viagem, chegou levando cinco veículos, microônibus e caminhões carregados de água, comida, roupas e cobertores.
Toda a doação levada por brasileiros que tiveram uma iniciativa raríssima para os japoneses. No momento da distribuição brasileiros e japoneses se misturavam numa grande corrente humana.
Heber Iyama, líder dessa boa ação estava emocionado. “Todo mundo falava pra não ir. Eu falei que eu ia, alguns falavam que era perigoso, outros que iam comigo, e são eles que estão aí”.
“A gente trouxe por nossa própria vontade mesmo. Uma pessoa falou para gente: ‘ah, mas está vindo navios dos Estados Unidos’. Mas o navio vai chegar daqui a uma semana. Quem tá com fome, tá com fome hoje, não amanhã”, afirma Anderson Santos.


Fonte: http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2011/03/brasileiros-ajudam-vitimas-em-area-devastada-por-tsunami-no-japao.html



Eu penso que esta é uma grande lição de solidariedade dos brasileiros para o mundo.

E você, o que você pensa sobre isto?







Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.



Barra Longa está em festa...

A preparação para a comemoração do dia de São José, Padroeiro da cidade, já começou.

A programação envolve atividades religiosas e apresentações culturais em todos os dias da novena com participação da comunidade.

A novena começou no dia 10 e termina no dia 19 de março, grande dia da festa de São José.




Como eram as Festas de São José em Barra Longa

Texto escrito por Margarida Maria Siqueira Pereira e descrito por
Helena Siqueira Monteiro, em 23/08/2010, a pedido da Casa da Cultura



Por volta do ano 1950 começou a festa de São José aqui em Barra Longa. Nesta época o festeiro era o Sr. Benjamim Alves Siqueira, que tinha o apelido de Sr. Beijo Siqueira.
A festa começava a ser preparada 03 (três) meses antes da data, quando o Sr. Beijo saía a cavalo visitando os fazendeiros de toda a região para recolher donativos para a festa. Ele saía de casa na segunda-feira, dormia durante a semana nas fazendas por onde passava e só voltava na sexta-feira.
Dentre os donativos estavam porcos, bezerros, galinhas e até ovos. As ofertas eram de acordo com as possibilidades de cada devoto de São José.
Tudo era aproveitado para a festa. Os porcos e bezerros eram colocados em um cercado que faziam perto da igreja para o leilão que acontecia no dia da festa. Os ovos eram usados na confecção de salgados e quitandas que eram feitos durante uma semana na casa do Sr. Beijo. Eram feitos pelas filhas Helena e Alzira que contavam com a ajuda de várias pessoas. Eram feitas roscas, rosquinhas, bolo, bolo de arroz, quecas, brevidades, pão-de-ló, broinha de tigela, broinha de melado, biscoito de polvilho e mais uma grande variedade de biscoitos. Estas quitandas eram para o café que era oferecido às bandas de música e pessoas que acompanhavam a alvorada que começava às 05:00 horas da manhã. Eram tantas pessoas que tomavam o café na casa do Sr. Beijo que ele construía, sobre cavaletes, uma mesa improvisada com tábuas.
No começo as festas aconteciam no dia 19 de março, depois em datas apropriadas, inclusive no ano em que pegou fogo na antiga Casa Paroquial, a festa aconteceu no dia 30 de julho daquele ano.
A festa era muito animada. Durante a novena vinham padres e seminaristas para ajudar o padre da época, Pe. José Epifânio Gonçalves. Durante a novena a igreja ficava lotada de fiéis e após a reza a banda de música São José tocava abrilhantando a festa enquanto fogos de artifícios iluminavam as noites da pequena cidade.
O fogueteiro que confeccionava os fogos era da cidade de Alvinópolis e se chamava Sr. Landulfo. Com ele vinham ajudantes que ficavam durante a novena montando os fogos que iriam animar ainda mais as festividades. Eles ficavam hospedados na casa do Sr. Beijo que os tratava com muito respeito.
Durante a novena, ao meio dia, repicavam os sinos e soltavam foguetes, com se fosse uma alerta para a noite.
Os fogos que soltavam no dia da festa eram de várias modalidades como: combate naval, girândola, coroas, estrelas, bicicletas com bonecos montados. Alguns destes fogos eram colocados no campo de futebol e no morro do cemitério por serem mais perigosos.
No dia da festa, além da banda de música São José, daqui de Barra Longa, vinham também bandas de músicas de Mariana e de Santa Cruz do Escalvado. As bandas se reuniam na porta da igreja onde tocavam fazendo retreta e o povo, feliz, aplaudia.
No dia da festa toda a família do Sr. Beijo ficava envolvida. Os homens, as mulheres e até as crianças, que aproveitavam a oportunidade para vender laranjas na porta do quartinho que tinha ao lado da casa. As crianças tanto vendiam como chupavam as laranjas. Era bom demais!
Quando chegavam os fazendeiros, que vinham a cavalo, deixavam os seus animais no quintal da casa do Sr. Beijo, que recebia a todos os colaboradores com muito carinho. A casa ficava repleta de gente, pois alem dos convidados, tinham os filhos do Sr. Beijo que vinham para a festa e traziam toda a família.
No café era servido: café, café com leite, queijos, manteiga e as quitandas feitas com antecedência. Tudo era fruto de doações. Era muita fartura e era bom demais!
A casa ficava sempre cheia o dia todo recebendo os devotos de São José que vinham de toda a região para participarem da maior festa da cidade: A Festa do Padroeiro São José.







Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.




A ABBA, Associação Barralonguense de Bordadeiras e Artesãos agora faz parte da Rede de Empresários da Estrada Real e também está integrada ao Circuito Serras de Minas. Estas são duas das grandes conquistas da ABBA em 2010.

A Casa da Cultura e a ABBA enviaram dados e fotos para o site da ROTA Estrada Real. Alguns dados e fotos foram cedidos pela Secretaria Municipal de Cultura.

Acesse: http://www.rotaestradareal.com.br/cidades-detalhes_180_barra-longa


Obs:


Veja alguns atrativos em Apresentação. Na foto do portal há local para ver as fotos dos atrativos enviados. Entre em Serviços para ver a ABBA. Clique (lado esquerdo) Rede de Empresários da Estrada Real, localize ABBA e clique para ver o blog.


ou então...


Acesse: http://abba-blonga.blogspot.com/




Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.



Tsunami


Impossível não emocionar com as cenas vistas através da TV sobre o tsunami que atingiu o Japão.
As lágrimas brotam incontroláveis...
O nó na garganta nos remete à interiorização dos nossos valores.
As águas varrendo os carros, as embarcações, os aviões, os prédios, a cidade e as pessoas que são apenas "pequenos pontos" no meio da
grande fúria da natureza.
“Pequenos demais" antes, durante e após um tsunami.



Campanha da Fraternidade
Tema: Fraternidade e a Vida no Planeta


Para a Campanha da Fraternidade 2011, a Igreja no Brasil propõe, como Objetivo Geral: contribuir para a conscientização das comunidades cristãs e pessoas de boa vontade sobre a gravidade do aquecimento global e das mudanças climáticas, e motivá -los a participar dos debates e ações que visam enfrentar o problema e preservar as condições de vida no planeta.

Para atingir este objetivo, são propostos os seguintes objetivos específicos:

* Viabilizar meios para a formação da consciência ambiental em relação ao problema do aquecimento global e identificar responsabilidades e implicações éticas;
* Promover a discussão sobre os problemas ambientais com foco no aquecimento global;
* Mostrar a gravidade e a urgência dos problemas ambientais provocados pelo aquecimento global e articular a realidade local e regional com o contexto nacional e planetário:
* Trocar experiências e propor caminhos para a superação dos problemas ambientais relacionados ao aquecimento global.

Serão adotadas as seguintes estratégias:

* Mobilizar pessoas,comunidades,Igrejas,religiões e sociedade para assumirem o protagonismo na construção de alternativas para a superação dos problemas socioambientais decorrentes do aquecimento.
* Propor atitudes,comportamentos e práticas fundamentados em valores que tenham a vida como referência no relacionamento com o meio ambiente;
* Denunciar situações e apontar responsabilidades no que diz respeito aos problemas ambientais decorrentes do aquecimento global.


Segundo o Papa Bento XVI, "o primeiro passo para uma reta relação com o mundo que nos circunda é justamente o reconhecimento, da parte do homem, da sua condição de criatura: o homem não é Deus, mas sua imagem; por isso, ele deve procurar tornar-se mais sensível à presença de Deus naquilo que está ao seu redor: em todas as criaturas e, especialmente, na pessoa humana há uma certa epifania de Deus".


Fonte:
www1.folha.uol.com.br
www.oarcanjo.net



MULHERES....

Para comentar clique na palavra "comentários" acima ou em "Postar um comentário" logo abaixo do último comentário publicado, se abrir diretamente nesta postagem.




MULHERES


Luis Fernando Veríssimo


Certo dia, parei para observar as mulheres e só pude concluir uma coisa: elas não são humanas! São espiãs. Espiãs de Deus, disfarçadas entre nós.

Pare para refletir sobre o sexto-sentido.
Alguém duvida de que ele exista?

E como explicar que ela saiba exatamente qual mulher, entre as presentes, em uma reunião, seja aquela que dá em cima de você?

E quando ela antecipa que alguém tem algo contra você, que alguém está ficando doente ou que você quer terminar o relacionamento?

E quando ela diz que vai fazer frio e manda você levar um casaco?

Rio de Janeiro, 40 graus, você vai pegar um avião para São Paulo. Só meia-hora de vôo. Ela fala para você levar um casaco, porque "vai fazer frio". Você não leva. O que acontece?

O avião fica preso no tráfego, em terra, por quase duas horas, depois que você já entrou, antes de decolar.
O ar condicionado chega a pingar gelo, de tanto frio que faz lá dentro!

"Leve um sapato extra na mala, querido. Vai que você pisa numa poça."

Se você não levar o "sapato extra", meu amigo, leve dinheiro extra para comprar outro. Pois o seu estará, sem dúvida, molhado.

O sexto-sentido não faz sentido! É a comunicação direta com Deus!

Assim é muito fácil. As mulheres são mães! E preparam, literalmente, gente dentro de si.
Será que Deus confiaria tamanha responsabilidade a um reles mortal?

E não satisfeitas em gerar a vida, elas insistem em ensinar a vivê-la, de forma íntegra, oferecendo amor incondicional e disponibilidade integral.

Fala-se em "praga de mãe", "amor de mãe", "coração de mãe“. Tudo isso é meio mágico.
Talvez Ele tenha instalado o dispositivo "coração de mãe" nos "anjos da guarda" de Seus filhos, que, aliás, foram criados à Sua imagem e semelhança.

As mulheres choram. Ou vazam? Ou extravasam? Homens também choram, mas é um choro diferente.
As lágrimas das mulheres têm um não sei quê que não quer chorar, um não sei quê de fragilidade, um não sei quê de amor, um não sei quê de tempero divino, que tem um efeito devastador sobre os homens.

É choro feminino. É choro de mulher...

Já viram como as mulheres conversam com os olhos?

Elas conseguem pedir uma à outra para mudar de assunto com apenas um olhar.
Elas fazem um comentário sarcástico com outro olhar.
E apontam uma terceira pessoa com outro olhar.
Quantos tipos de olhar existem?

Elas conhecem todos...

Parece que freqüentam escolas diferentes das que freqüentam os homens!
E é com um desses milhões de olhares que elas enfeitiçam os homens.

EN-FEI-TI-ÇAM!

E tem mais! No tocante às profissões, por que se concentram nas áreas de Humanas?
Para estudar os homens, é claro!
Embora algumas disfarcem e estudem Exatas...

Nem mesmo Freud se arriscou a adentrar nessa seara. Ele, que estudou como poucos, o comportamento humano, disse que a mulher era "um continente obscuro".
Quer evidência maior do que essa?
Qualquer um que ama se aproxima de Deus.
E com as mulheres também é assim.

O amor as leva para perto dEle, já que Ele é o próprio amor. Por isso dizem "estar nas nuvens", quando apaixonadas.
É sabido que as mulheres confundem sexo e amor.
E isso seria uma falha, se não obrigasse os homens a uma atitude mais sensível e respeitosa com a própria vida.
Pena que eles nunca verão as mulheres-anjos que têm ao lado.
Com todo esse amor de mãe, esposa e amiga, elas ainda são mulheres a maior parte do tempo.

Mas elas são anjos depois do sexo-amor.
É nessa hora que elas se sentem o próprio amor encarnado e voltam a ser anjos.
E levitam.
Algumas até voam.
Mas os homens não sabem disso.
E nem poderiam.
Porque são tomados por um encantamento
que os faz dormir nessa hora."

Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial